” O Caderno de Receitas da minha Turma” – O projeto Fomecas e a alimentação saudável

” O Caderno de Receitas da minha Turma” – O projeto Fomecas e a alimentação saudável

No ano letivo que agora termina, e no âmbito do Projeto de Refeições Escolares Saudáveis – Fomecas, da Junta da Estrela, foi lançado um desafio às turmas do 3º e 4º anos da Escola EB1 Nº 72 e aos alunos da Escola EB1/JI Fernanda de Castro, para que, em colaboração com as suas famílias, partilhassem receitas saudáveis passíveis de compor um menu saudável a ser confecionado no refeitório escolar.

A implementação da referida atividade teve como principais objetivos:
– sensibilizar alunos, famílias e comunidade escolar em geral para a prática de uma alimentação nutricionalmente equilibrada, diversificada, completa e igualmente prazerosa;
– promover a participação das famílias enquanto modelos comportamentais de hábitos alimentares saudáveis;
– motivar os alunos para a aquisição de conhecimentos para uma alimentação saudável;
– consciencializar para uma escolha responsável na construção de hábitos alimentares saudáveis;
– possibilitar momentos de partilha de conhecimentos entre pares.

Deste modo, foi elaborado um caderno com informação sobre os pilares de uma alimentação saudável, baseada nos princípios da alimentação mediterrânica, fazendo-se uso de uma linguagem adaptada à faixa etária e apostando num grafismo apelativo aos mais pequenos.
A cada turma foi atribuído um caderno no qual alunos e respetivas famílias registaram em casa as suas receitas e, entre sopas, pratos de peixe e carne, pratos vegetarianos, saladas e sobremesas, nasceu O Caderno de Receitas da Minha Turma.
Nas últimas semanas do ano letivo, foi com grande satisfação e orgulho que os autores das receitas selecionadas para o menu escolar se transformaram em “mini-chefs”. Viram o seu contributo integrado na ementa semanal, expuseram a sua receita para partilha com os seus pares, receberam com pompa e circunstância os seus colegas no refeitório, explicaram a receita e fundamentaram a sua escolha, serviram os colegas, no decorrer da refeição indagaram a satisfação dos mesmos e, sempre que lhes era pedida uma repetição, lá vinham eles com o prato na mão e sorriso rasgado pedir um pouco mais à cozinheira.
Foram de facto momentos gratificantes para todos os envolvidos.
Estão de parabéns as nossas crianças e as suas famílias a quem deixamos desde já o nosso agradecimento pela cooperação, assim como a todos os agentes de educação envolvidos.
*